Absenteísmo: Seus colaboradores estão se ausentando muito? Cuidado!

Absenteísmo é uma questão importante em todas as empresas e algo a ser levado a sério, já que reflete diretamente no engajamento dos colaboradores, na produtividade dos negócios e, por fim, nos resultados da empresa. 

empresa com absenteismo

Inclusive, para reverter essa situação é preciso que haja uma mudança na Cultura Organizacional da empresa e em suas políticas internas, implementando uma melhor Gestão de Pessoas e trazendo satisfação à todos, incentivando seus colaboradores a fazerem mais pelo negócio.

Mas você sabe o que é Absenteísmo?

O que é Absenteísmo?

Absenteísmo é, em suma, ausências ou atrasos frequentes dos seus colaboradores, o que afeta diretamente a empresa e retarda seus objetivos e metas.

Infelizmente essa é uma situação muito recorrente nos negócios e é preciso que o Departamento de Recursos Humanos tenha conhecimento das medidas precisas para reverter a situação e trazer satisfação aos seus colaboradores em seus postos de emprego.

Como dito anteriormente, é preciso rever a Cultura Organizacional existente no negócio e as políticas da empresa também. Será preciso analisar e, quando necessário, implantar ou incentivar as seguintes coisas:

  • Satisfação dos colaboradores com a empresa ou com a equipe;
  • Clima Organizacional das pessoas e do ambiente de trabalho;
  • Abordar planos de benefícios que abrangem todas as pessoas que integram o negócio.

No entanto, se nenhuma das situações acima parecem não resolver as ausências de colaboradores específicos, talvez seja a hora de observar as condições ergonômicas de cada um.

Idalberto Chiavenato também abordou o assunto de absenteísmo em seu livro Gestão de Pessoas, afirmando que esse termo constitui da soma total dos períodos de atrasos ou faltas de cada indivíduo.

Inclusive, as ausências por motivos justificáveis também são levados em consideração quando calculado o índice de assiduidade, tanto da empresa como um todo quando de cada colaborador de forma individual.

Absenteísmo nas Empresas

O absenteísmo em ambiente de trabalho é preocupante por gerar gastos para o financeiro da empresa, perda nos lucros, grande rotatividade de funcionários e comprometimento da qualidade dos serviços do negócio.

Além de necessitar que seja feita uma mudança na cultura da empresa, é preciso que o problema seja analisado desde a raiz, realizando um Recrutamento & Seleção de alto nível para que conheça muito bem quem se está contratando e evitar situações como essas no futuro.

Causas do Absenteísmo nas Empresas

Porém, as ausências dos seus colaboradores podem ser evitadas se algumas ações forem colocadas em prática, começando por compreender suas causas, o que pode ser um pouco complicado se forem multifatoriais, mas não desanime, logo você terá o controle dos seus negócios novamente! 

As causas podem ser das mais distintas origens, sendo algumas delas:

  • Questões de Saúde - Doenças psicológicas, físicas ou ocupacionais, sendo que as mais comuns são gripes e resfriados;
  • Questões do Trabalho - Funções que podem sobrecarregar o colaborador ou condições precárias de trabalho oferecidas pela empresa;
  • Questões Ambientais - Dias de chuva, frio ou derivados;
  • Questões de Transporte - Falta de transporte pessoal, público ou oferecido pela empresa.

Inclusive, ainda existem colaboradores que não comparecem ao trabalho por desconforto pelo ambiente e pela equipe que integra, fugindo de situações ou pessoas indesejadas. As causas dessas faltas podem ser bullying, discriminação, assédio ou outras.

Nesse caso, a questão está inteiramente na organização e gestão de pessoas da empresa, sendo que os responsáveis terão a obrigação de tomar atitudes para colocar um fim no comportamento agressor e criar um ambiente de trabalho confortável e harmônico para todos. 

Imagine que o Absenteísmo é o antônimo de um indivíduo satisfeito no trabalho. Logo, é preciso buscar pelas causas e combatê-las sempre que possível.

Pesquisas Acerca de Absenteísmo e Presenteísmo nas Empresas

  • Em 2011, a Federação de Indústrias do Estado de Santa Catarina (FIESCP) realizou uma pesquisa que mostrava que, em relação ao Presenteísmo, problemas de saúde como obesidade ou pressão alta afetavam a produtividade dos colaboradores em até 30%;
  • Em 2013, a PrinceHWC divulgou que o Reino Unido perdeu £29 bilhões por conta de faltas no trabalho e 90% eram por motivos de saúde;
  • A Towers Watson, em 2014, mostrou que apenas 28% dos colaboradores brasileiros eram altamente engajados em suas funções, um número muito baixo;
  • Uma outra pesquisa realizada pela FIESCP, em 2015, apontava que 35 milhões de ausências no trabalho foram por motivos de problemas de saúde, apenas no Brasil.

Logo, pode-se facilmente perceber com essas pesquisas que o problema que as empresas brasileiras enfrentam com o absenteísmo não é exclusivo do país. 

Se quiser conhecer mais sobre essas pesquisas, basta entrar no site da SIMPESC.

Impacto do Absenteísmo nas Empresas

A redução de produtividade durante o absenteísmo pode gerar impactos financeiros críticos para empresas que estão enfrentando a ausência de seus funcionários, e isso acontece por incontáveis motivos, como:

  • A empresa poderá necessitar de uma contratação temporária para substituir o colaborador que estiver ausente;
  • O serviço sobrecarregará a equipe que conta com faltantes, precisando dividir as tarefas desses indivíduos entre todos;
  • Com essas ausências, quem tiver excesso de tarefas terá uma baixa qualidade de produção e o negócio será diretamente afetado;
  • Aumento significativo do turnover na empresa, que reflete diretamente no financeiro do negócio.

Inclusive, uma pesquisa comandada pela Gallup-Healthways em 2013 constatou que, nos Estados Unidos, houve uma perda de US$84 bilhões no ano. 

Cuidado com o Turnover!

O turnover é a rotatividade frequente dos colaboradores na empresa e é preciso tomar muito cuidado com isso, já que é um dos grandes motivos do negócio possuir gastos excessivos. 

Além de precisar lidar com uma baixa qualidade de serviço até o novo colaborador ser preparado para o cargo adequadamente, em contar os custos de seus treinamentos.

Em 2015, o DIEESE - Departamento Intersindical de Estatísticas e Estudos Socioeconômicos lançou uma pesquisa realizada em território nacional que foi constatada que, naquele mesmo ano, as empresas enfrentaram uma rotatividade de quase 55% de colaboradores.

Contornando o Absenteísmo na sua Empresa

Mesmo já conhecendo quais são as causas do absenteísmo, ele só poderá ser contornado se o Departamento de Recursos Humanos tiver em mãos os motivos de cada funcionário que possui ausências

Considere a ordem a seguir:

  1. Pesquisar e determinar quais são os principais causas para seus colaboradores não estarem indo trabalhar ou chegando atrasados;
  2. Definir as faltas por motivos internos ou externos e justificada ou não justificada;
  3. Por último, converse com cada colaborador para confirmar os motivos, seja em forma de questionário enviado de forma privada ou uma conversa tranquila. 

RH tenta diminuir o absenteísmo

Sabendo das reais causas, o RH poderá dar um passo adiante para começar as mudanças na empresa e contornar o absenteísmo de uma vez por todas!

Absenteísmo no RH

Os profissionais do Departamento de Recursos Humanos são os responsáveis pela Gestão de Pessoas e a Cultura Organizacional da empresa. 

Sendo assim, se você é um profissional de RH e sua empresa está passando dificuldades tendo que lidar com o absenteísmo, veja as dicas a seguir para reverter o quadro de ausências dos seus colaboradores nos 3 passos abaixo!

1. Foque na Gestão de Pessoas!

Certamente que seus colaboradores não são máquinas, então será preciso realizar uma análise aprofundada dos motivos do absenteísmo nos seus negócios e implementar ações para reduzi-lo. As ações podem abranger:

  • Política de Recursos Humanos;
  • Incentivos, benefícios ou recompensas;
  • Treinamentos específicos. 


2. Atente-se a Cultura Organizacional 

Sempre que for necessário, faça alterações na Cultura Organizacional de sua empresa. Agora, em caso dessa medida não for precisa, fortaleza a cultura já existente entre todos os colaboradores.

Lembre-se que um ambiente de trabalho agradável para todos será o responsável por diminuir grande parte do índice de absenteísmo e, consequentemente, reduzirá todos os malefícios que ocorrem no negócio quando a taxa de ausência está alta. 

Além disso, valorize todos os colaboradores! Pode ser por meio de planos de benefícios ou apenas por reconhecimento em forma de elogios, mas valorize-os! Atualmente, os colaboradores são a base das empresas.

3. Trabalhe no Engajamento das Equipes

Colaboradores engajados levam a empresa para o sucesso. 

Portanto, além dos benefícios e compensações para estimular as equipes a produzirem com qualidade, dê um propósito. 

Esse propósito pode ser uma oportunidade de crescimento, o que gera bastante engajamento por ser dentro da empresa que já se trabalha, ou seja, a possibilidade é maior do que entrar em um outro negócio e começar do zero. 

Prevenindo o Absenteísmo na sua Empresa

Só porque o absenteísmo não é presente na sua empresa não quer dizer que você não deva tomar precauções. É de conhecimento geral que “é melhor prevenir do que remediar”, então não se engane, é preciso cuidar do seu negócio!

Portanto, reveja as políticas da sua empresa e a Cultura Organizacional empregada nos negócios, é importante que ambas estejam garantindo a saúde e bem estar de todos os colaboradores, criando um ambiente de trabalho adequado, que incentive o crescimento mútuo e que esteja de acordo com a jornada de trabalho de cada um.

Índice de Absenteísmo 

Não esqueça da Gestão de Absenteísmo, onde o grupo de pessoas responsável por essa área do negócio possuirá a função de controlar as ausências das equipes por meio de ações de prevenção.

Inclusive, existem empresas que subsidiam profissionais da área de saúde e medicamentos para seus colaboradores que passam por dificuldades físicas ou psicológicas, tudo isso visando a qualidade de vida de cada indivíduo integrante da empresa.

Por outro lado, também existem empresas que oferecem palestras ministradas por coach de saúde, promovendo treinamentos ou medidas educacionais para que seus colaboradores mantenham um estilo de vida saudável.

Descobrindo a Taxa de Absenteísmo na Empresa

O Departamento de Recursos Humanos deve manter um sistema automatizado para registrar as faltas de cada colaborador e suas justificativas

Um dos sistemas mais usados em todas as empresas há anos é o relógio de ponto eletrônico, onde cada pessoa tem seu cartão ponto com horários de entrada e saída do trabalho, inclusive os atrasos ou saídas antecipadas.

Indicador para Calcular a Taxa de Absenteísmo da sua Empresa

Há um indicador existente para realizar o cálculo da taxa de absenteísmo da sua empresa, você poderá aprender abaixo e aplicar agora entre os seus colaboradores:

  1. O número de colaboradores deve ser multiplicado pelo número de dias e horas da jornada de trabalho;
  2. Para o número total de horas perdidas, basta somar os atrasos e faltas;
  3. Por último, é só dividir o número de horas totais perdidas pelo número total de horas trabalhadas.

Sendo assim, você encontrará a porcentagem da taxa de absenteísmo de forma rápida e prática sobre os seus colaboradores.

Exemplo:

  1. Existem 10 colaboradores totais na empresa que fazem 8 horas semanais por 22 dias ao mês, então: 10 x 8 x 22 = 1.760 horas trabalhadas por mês;
  2. Agora vamos supor que a soma total de atrasos, saídas antecipadas e ausências seja de 100 horas por mês;
  3. Logo: 130 / 1.760 x 100 = 7,3%.

Seguindo o exemplo dado acima, a empresa contaria com uma taxa de absenteísmo de 7,3% dos colaboradores. 

Calculo Taxa de Absenteísmo

Agora que você sabe como calcular a porcentagem de ausência que está ocorrendo entre os colaboradores por mês, basta substituir os valores citados acima pelos reais do seu negócio e obter a sua porcentagem. 

Inclusive, esse cálculo pode ser ajustado para descobrir a porcentagem de cada colaborador, ou seja, de forma individualmente. Seja de forma mensal ou anual.

Vale ressaltar que quanto mais baixa a taxa de absenteísmo, melhor para os negócios.

Elimine o Absenteísmo da Sua Empresa Agora!

Se a sua empresa está passando por um momento complicado em relação a ausências na equipe, é preciso que haja bastante cautela para reverter a situação.

Ao longo deste artigo você pode perceber o perigo que o absenteísmo representa para a sua empresa, seus objetivos e lucros. Inclusive, suas causas, como reverter a situação, como prevenir a ausência de seus colaboradores e como calcular a taxa de faltas.

Lembre-se que para levar os seus negócios para o sucesso, o absenteísmo precisa ser combatido de todas as formas possíveis e é necessário transformar a insatisfação dos seus colaboradores em engajamento para a empresa!

Fonte: Niduu - Disseminando Conhecimento.


Comentar
Compartilhar